A pobreza e a fome estão muito presentes no nosso dia a dia, e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) foram criados para garantir que todos os seres humanos possam realizar o seu potencial em dignidade e igualdade, em um ambiente saudável tendo acesso a moradia, alimentação, educação, dentre outras necessidades de sobrevivência.

Os ODS são uma agenda mundial definida pela ONU composta por 17 objetivos e 169 metas que devem ser atingidos até 2030 (Para saber mais clique aqui). Nesse artigo tratamos sobre os ODS de número 1 e 2.

Objetivo número 1: “Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares”.

Trata da pobreza, cuja erradicação é entendida pelo Brasil como ponto central para toda a estratégia de desenvolvimento sustentável. É a erradicação da pobreza extrema. (Saiba mais)

Uma de suas metas é erradicar a pobreza extrema para todas as pessoas em todos os lugares. O indicador para esta meta são as pessoas vivendo com menos de US$ 1,25 por dia

Objetivo número 2: “Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável”.

Complementar ao ODS 1, traz novas dimensões, voltadas para a saúde (desnutrição de crianças e da população em geral), para a produção de alimentos sustentável e para a economia. (Saiba mais)

Ele ainda não possui indicadores concretos e objetivos e depende de sua formulação para verificar os avanços na agricultura sustentável, na construção de bancos de genes de plantas e animais e nos esforços para manter a biodiversidade.

Uma de suas metas é a ampliação da produtividade e da renda dos pequenos produtores agrícolas, indígenas, pescadores e pastores, com atenção especial às mulheres. Esta meta também tem impacto direto na diminuição da pobreza e na promoção de uma economia mais sustentável.

 

Com o desejo de que os objetivos sejam alcançados, o Brasil vem realizando uma série de ações e programas. Alguns deles são:

Hoje todo esse processo depende, também, da iniciativa de cada um de nós. Estamos inseridos na sociedade para transformar o mundo para melhor. Esta agenda tem o propósito de até 2030 acabar com a pobreza e a fome, ou seja, atender os 17 ODS em todos os lugares do mundo.

A Curtida.Social apoia  a Agenda 2030, onde todos nós somos os responsáveis por esta transformação.

 

Fontes:

A Curtida.Social é movida pelo propósito de mudar o mundo, trazendo dinheiro novo para dar voz a ações sociais, fazemos isso via captação de recursos para projetos sociais, conectadas aos objetivos do desenvolvimento sustentável da ONU, junto à empresas preocupadas com a responsabilidade corporativa. Somos a maior empresa de Marketfunding do mundo, unindo marketing de causa e crowdfunding. Trabalhamos a marca (branding) e o endomarketing, com o aumento do engajamento interno de funcionários e melhoras no recrutamento de pessoas que se identificam com os valores das empresas apoiadoras.